Menu fechado

ASSINATURA ELETRÔNICA NA SUA CLÍNICA ODONTOLÓGICA: COMO USAR?

A assinatura eletrônica é uma ferramenta digital que traz muita comodidade e rapidez, para os dentistas, eliminando a necessidade de impressões em papel ou que o paciente vá até à clínica para assinar algum documento.

Sendo assim, a assinatura eletrônica é uma ferramenta que surgiu para otimizar o processo de assinatura e validação de documentos, pois os mesmos podem ser assinados de qualquer local e a qualquer hora.

Na Odontologia a assinatura digital já é regulamentada e você pode utilizá-la para facilitar o seu dia-a-dia. Por isso, confira abaixo algumas informações relevantes para você que quer começar a autorizar a assinatura digital no seu consultório.

O que é assinatura eletrônica?

A assinatura eletrônica nada mais é que uma assinatura digital que permite que você assine um documento virtualmente. O documento com a assinatura digital tem a mesma validade de um documento com assinatura física e é regulamentado pelo Decreto Nº 10.543, de 13/11/2020.

A assinatura eletrônica pode ser entendida como uma autenticação criada através de um dispositivo eletrônico e reproduz fielmente a imagem da assinatura manuscrita.

Qualquer cidadão com uma conta gov.br prata ou ouro pode utilizar esse serviço.  Para solicitar o cidadão deve ter uma conta no gov.br validada por reconhecimento facial, bancos credenciados ou certificado digital.

Para que serve a assinatura eletrônica?

A assinatura eletrônica é muito útil na Odontologia. Pode ser usada, por exemplo, para fazer uma prescrição medicamentosa (em casos  que você tenha feito todo o diagnóstico e planejamento do tratamento), gerar planejamento financeiro, fazer pedido de radiografias e exames complementares.

Utilizar a assinatura eletrônica, representa uma economia de tempo, ganho de mobilidade e redução de custos para o seu consultório, pois não é necessário imprimir várias folhas para o paciente assinar e muito menos que ele vá pessoalmente até a sua clínica.

Dessa forma, todos os documentos enviados são validados pelo paciente e você tem controle de todos os dados emitidos, pois todas as informações são registradas pela plataforma emissora.

Qual a diferença entre assinatura eletrônica e digital?

Quando falamos em assinatura eletrônica é preciso entender que esse é um termo amplo e envolve diversos meios eletrônicos de validação de identidade e assinatura.

O termo assinatura eletrônica envolve algumas terminologias como as senhas, assinatura digitalizada, tokens e validação por códigos de SMS.

Já o termo assinatura digital refere-se a uma tecnologia que utiliza algoritmos de criptografia para garantir uma proteção extra na autenticidade das documentações.

Os algoritmos utilizados são diferentes em cada assinatura, o que torna o processo de assinatura seguro, invalidando qualquer tentativa de alteração no documento.  A plataforma de assinatura utilizada pelo dentista deve possuir um certificado no padrão ICP-Brasil para que a assinatura se torne válida.

Para a rotina de um consultório odontológico, qualquer tipo de assinatura eletrônica já é considerada mais que o suficiente do ponto de vista jurídico.

Quais as vantagens de usar assinatura eletrônica no seu consultório?

São várias as vantagens de se utilizar a assinatura eletrônica dentro do consultório odontológico. Confira abaixo algumas delas:

Economia de papel

Ao digitalizar a maior parte dos documentos de um consultório odontológico é possível reduzir a compra de papel, tinta para impressoras, canetas e o uso de espaço físico para guardar esses arquivos ou gastos com copiadoras.

Essa redução na impressão de materiais faz reduzir os custos mensais da clínica e consequentemente aumentar a sua margem de lucro.

Maior praticidade

Tempo é dinheiro! Tanto para você quanto para seu paciente. Por isso, se podemos agilizar os processos e enviar alguns arquivos digitais aos nossos clientes, estaremos aumentando o grau de satisfação dos mesmos.

Maior mobilidade

Ter a possibilidade de assinar contratos, pedidos de exames e receituários a distância dá ao dentista maior flexibilidade de trabalhar de qualquer lugar, melhorando sua qualidade de vida e dando respostas mais rápidas aos pacientes.

Procedimento seguro

A assinatura eletrônica também pode ser considerada um procedimento muito seguro, pois todos os documentos assinados ficam armazenados. Eles possuem validade jurídica e validam ali todos os documentos enviados aos pacientes.

Qualquer tentativa de fraude também pode ser identificada e barrada pelas plataformas digitais.

Economia de tempo

O processo de transformação digital gerado pela assinatura eletrônica pode reduzir em até 50% o tempo de fechamento de contratos em um consultório odontológico. Isso porque o processo de negociação fica mais rápido e prático, evitando dúvidas e perdas de propostas financeiras.

Além disso, um documento físico assinado à mão, pode ser perdido por parte do paciente, o que pode gerar dúvidas e aumentar o tempo de fechamento de tratamentos.

Em quais documentos usar a assinatura eletrônica?

Agora que você  já sabe o que é e como funciona a  assinatura eletrônica na Odontologia, vamos falar sobre quais documentos você pode utilizá-la.

Em um consultório odontológico são gerados vários tipos de documentos, como ficha clínica, plano de tratamentos, receituários, pedido de exames complementares, termo de consentimento, etc. Por isso, é importante saber quais desses documentos você pode utilizar a assinatura eletrônica e facilitar a sua vida.

  • Ficha de Anamnese;
  • Diagnósticos Digitais;
  • Planos de Tratamentos;
  • Orçamentos;
  • Autorização para Tratamentos em Crianças e Adolescentes;
  • Contratos de Serviços;
  • Recibos de Pagamentos;
  • Autorização de Uso de Imagem;
  • Ficha Clínica dos Procedimentos Realizados;
  • Receituários e Atestados.

Todos esses documentos assinados digitalmente ficarão armazenados de maneira segura nas nuvens e serão válidos juridicamente.

Validade jurídica da assinatura eletrônica

O Conselho Federal de Odontologia (CFO) , em parceria Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI), implementou a  assinatura digital de 344.207 Cirurgiões-Dentistas com inscrição ativa no Brasil.

Com essa resolução o dentista pode emitir, de forma online,  atestados, pedidos de exames e relatórios e prescrição de medicamentos, com garantia de autenticidade e aceitabilidade. A medida garante maior segurança e facilidade no atendimento odontológico à população.

Ainda segundo a legislação nacional, qualquer documento possui validade como prova, desde que ambas as partes aceitem o formato do documento e assinatura; possa se assegurar da origem do documento; possa comprovar a integridade do documento.

Por isso, siga atento e informe o seu paciente sobre a utilização de meios digitais para a assinatura dos documentos e sua validade jurídica.

Como e onde contratar o serviço de assinatura eletrônica para a sua clínica?

Para emitir a sua assinatura eletrônica você precisará acessar o Portal de Assinatura Eletrônica utilizando a sua conta gov.br. Caso você precise de ajuda para fazer emissão ou precisar de mais informações você pode assistir a um tutorial de etapas na página temática da Assinatura Eletrônica.

O atendimento para gerar uma assinatura eletrônica é imediato e gratuito para o cidadão.

Fonte: https://www.aarb.org.br/assinatura-eletronica-na-sua-clinica-odontologica-como-usar/?utm_source=akna&utm_medium=email&utm_campaign=Serie-Mercado-Business-e-Tendencias-da-Certificacao-Digital

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Desenvolvido por